MEL

 

O Mel é uma substância açucarada resultante de transformação do néctar retirado das flores ou das secreções das partes vivas das plantas, ou que sobre elas se encontram e que as abelhas melíferas, coletam, transportam, combinam com materiais específicos, desidratam e armazenam nos favos da colméia.
As abelhas coletam o néctar com o aparelho bucal (língua) e o transportam em sua vesícula melífera (ou papo). Chegando'à colméia essa carga é regurgitada para outras abelhas, que a elaboram, até que finalmente é armazenado no favo. Com essas sucessivas regurgitações o néctar recebe um agregado de enzimas, que irão favorecer a sua transformações química em mel.
O mel de abelhas sempre foi considerado um alimento e medicamento dos mais completos e nutritivos que a humanidade tem noção. É constituído por: vitaminas B, B1, B2, B5, B6, BC, etc;sais minerais: cálcio, fósforo, enxofre, potássio, cloro, sódio, magnésio, ferro, manganês, cobre, silício, bório, nitrogênio, e outros presentes em pequenas quantidades; ácidos: málico, cítrico, fórmico, tânico, cúprico, oxálico, fosfórico, bútrico, acético, láctico, valerânico, e propiônio e outros elementos.
Para se ter uma idéia do valor nutritivo do mel, 1 colher de sopa corresponde às seguintes quantidades, individual de cada um, destes alimentos: 2 bananas; 2 laranjas; 1/2 maçã; 150gr de uva; 2 1/2 ovos; 200ml leite; 40gr queijo; 100gr nozes; 50gr pão; 100gr carne; 150gr peixe; 45gr cenoura; 300gr ervilha.
A cristalização ou granulação do mel consiste na separação da glicose que é menos solúvel que a frutose e na consequente formação de hidratos de carbono em forma sólida.
É um fenômeno natural do mel. Todos os méis com o passar do tempo cristalizam-se. Existem méis que cristalizam mais rapidamente do que outros. Isso ocorre pela correspondência que há entre a porcentagem de água e a porcentagem da glicose presente no mel. A presença de corpúsculos, como pólen, grão de cera, etc, bem como temperaturas de 14º - 15º induzem a uma cristalização mais rápida.